Fracasso: o que você faz quando isso acontece?

sad teenager sitting with crossed legs and holding smartphone

Fracassar é humano.

A desculpa para fracassar é inerente. Ela precisa acontecer para que você entenda que, muitas vezes, a culpa não é de terceiros ou de situações pelo seu fracasso. Foi você mesmo que não obteve o sucesso imaginado. Ou seja, foram suas expectativas que não foram atingidas. E expectativas, normalmente, não são objetivos claros e direções precisas e, até mesmo, são irreais. Sendo assim, onde você fracassou?

Não culpe os outros.

A culpabilização dos que estão à sua volta passa por esse processo. Achar aqueles que lhe foram injustos, “trapaceiros”, que lhe “perseguiram”, não é saudável ou mesmo produtivo. Se houvesse um meio de achar o ponto exato, em que as coisas deram errado, sempre seria culpa de outra pessoa que não sua? Se fosse possível regredir e corrigir, o que você mudaria? Seus caminhos e escolhas, ou as de outras pessoas?

Fracasso, falha é algo natural, e faz parte do processo de aprendizagem. Você não pode ignorar que se o sucesso estabelece a dinâmica entre conquistar ou não algo na vida profissional ou acadêmica; a falha, deve auxiliar na mesma proporção. É aceitar, em suma, sua condição de ser humano. Indivisível e intransferível em essência.

É a mesma lógica do “bom vencedor/mal perdedor”, que, para além do julgamento moral que existe em ser intragável quando ganha e quando perde, não existe concomitantemente um aprendizado sobre aquilo. Aceitar e abraçar a derrota deve servir de repertório emocional para lidar com outras tantas vezes que isso pode se repetir.

Busque ajuda e encare com mais leveza.

Como lidar com o fracasso
Fonte: Freepik

Outra função do fracasso é nos fazer entender a necessidade de ajuda. Todos precisam de diálogo, de acompanhamento. De uma troca franca de aprendizado. Isso também é uma ferramenta para o seu sucesso. Se cerque de generosidade e honestidade, e partilhe isso da mesma forma. E quando conversar com alguém, que seja com alguém que de fato se preocupe com você. Famílias, amigos e, principalmente, de profissionais. Converse com uma psicóloga, faça esse acompanhamento. Assim, a falha se torna digerível, e seu cotidiano mais vitorioso. 

Fracasso é a sua oportunidade de entender onde você cometeu o erro. É o momento que você deve acarinhar, assim como a dor que ele traz consigo. Uma dor, que se torna uma ferramenta para que as próximas oportunidades sejam mais frutíferas. Falhas são apostilas, livros didáticos, aprenda com elas.

Fique por dentro das últimas postagens do nosso Blog.

Autor: Caio Terciotti.

Compartilhe Nas Redes Sociais

Últimas Publicações

Inscreva-se em nossa newsletter para receber novidades do Cintter!

VEJA TAMBÉM